Make your own free website on Tripod.com
mtfkcars

Home

SkaTe or DiE!!
MtFkcars (Segunda Edição)
SuperBikes!
Formula Truck (corrida de caminhões)
-=[GAmEz]=-
SuperBikes!

O meio de transporte definitivo

mtb1.jpg

Não... Você não esta no local errado, lembre-se que avisamos que a segunda edição do site iria abranger outras areas. Logo, esta pagina é dedicada ao pessoal das bikes.

mtb14.jpg

NÃO ESQUEÇA!!

Lembre-se sempre da garrafinha com água ou gatorade para não ficar desidratado.

Se for uma trilha tipo mais um passeio, lembre-se do boné ou viseira para proteger-se do Sol e não pegar nenhuma insolação ou meningite.

Protetor solar é sempre de bom uso quando você não quer ficar descascando ou com a pele toda ardendo.

Lembre-se de levar sempre consigo uma câmara de ar reserva e as ferramentas para trocar ela se necessário, tais ferramentas: bomba de ar, dessas comuns mesmo e chave de fenda (pra tirar o pneu).

É bom levar sempre um dinheirinho que pode ser guardado nessas bolsinhas debaixo do cilin. Caso aconteça algo mais grave ou mesmo que você queira comprar algo.

Não se esqueça de calibrar os pneus, de desempenar as rodas, apertar o guidon, verificar as blocagens, ver se não há raios quebrados e lubrificar a corrente, catraca e coroa.

Não se esqueça de fazer um alongamento para que seu corpo saiba o que vai enfrentar e não sofrer com cãimbras.

Se você for do tipo amante da natureza, não se esqueça da máquina fotográfica, garanto que vai ter muito o que fotografar.

E o mais importante de tudo, que nunca pode ser esquecido, use o capacete

LEVE MESMO EM TRILHAS CURTAS!

Um par de espátulas

Kit com: cola, lixa e remendos prontos de borracha

Uma câmara de ar sobressalente

Um pequeno recipiente de óleo para a corrente

Um jogo de chaves Allen

Uma chave de boca regulável

Um cabo de freio sobressalente

Um conduit de cabo de freio reserva

Um kit com as ferramentas mais importantes da bicicleta

QUANDO O PNEU FURAR.

1.Solte o cabo dos freios, solte os freios;

2.Solte a roda;

3.Coloque a corrente na menor engrenagem;

4.Tire a roda;

5.Use espátulas especiais e tire um dos lados do pneu para fora da roda. Cuidado para não machucar (furar) a câmara de ar;

6.Cuidadosamente tire-a;

7.Se você possuir uma câmara sobressalente, coloque-a. Caso contrário, deverá remendar a câmara furada. Inicie enchendo-a com a bomba de ar para localizar o furo;

8.Localizado o furo, usando uma lixa fina, lixe o local. Isto tira a sujeira, preparando o local para o melhor contato com a cola;

9.Coloque a cola;

10.Assim que a cola começar a secar, aplique o remendo de borracha e aperte firmemente;

11.Enquanto a cola seca, verifique, passando o dedo no interior do pneu, se o causador do furo (espinho, prego, etc) ainda está preso no pneu. Em caso positivo, retire-o;

12.Espere secar, recoloque a câmara de ar, reponha o pneu, monte a roda e as marchas e siga em frente.

MANUTENÇÃO DA SUA BIKE

A manutenção da bicicleta deve ser feita afim de evitar im maior desgaste das peças e para garantir um bom funcionamento das mesmas.

Cada peça tem sua própria característica e sua manutenção deve ser feita com uma frequência maior ou menor que a outra. Eis aqui a frequência e o modo que deve ser feita a manutenção das seguintes peças:

Cubo: A manutenção do cubo é recomendada a cada 3 meses. Esse tempo é o tempo máximo entre manutenções, se você usa sua bike de 2 a 3 horas por dia e não "malha" muito ela. Caso você abuse um pouco mais dela faça a manutenção deste mensalmente.
Para a manutenção do cubo tire a roda e as blocagens. Normalmente há grãos de terra e de areia no interior do cubo, limpe-os com um pano até retirar todos os resíduos. Depois de limpos passe graxa ou um outro lubrificante no parafuso que ficará no interior do cubo. Coloque de novo as

RODAS E BLOCAGEM

Cilin/Canote: No cilin passe um pano com àlcool e olhe bem debaixo dele que costuma acumular sujeira e barro. No canote tente mantê-lo com uma altura fixa e a cada 6 meses passe UM POUCO de óleo lubrificante nele, mas só um pouco.

Coroa/Corrente/Catraca: A cada 3 meses limpe bem os três com um pano para tirar aquela terra que fica grudada na graxa, mas não passe detergente, nem água, pois um tira a oleosidade e o outro enferruja (oxida), a corrente. Logo que limpar passe pouca graxa na catraca e coroa, principalmente nos dentes.Na corrente passe óleo lubrificante.

Caixa central: Tire o pé de vela com uma chave de fenda, boca, philips, a apropriada ao pé de vela; repita o que você fez no cubo e ponha de volta o pé de vela. Deve ser feita a cada 3 meses.

A BIKE PERFEITA

Verifique os pneus, veja se eles não estão carecas, se estão com os "cabelinhos" e se são para trilhas. Pneus em bom estado evitam muitas quedas e derrapagens.

Dê uma olhada nos raios para ver se não há nenhum quebrado. Se possível use raios duplos que são mais resistentes e te dão maior segurança em trlhas.

Olhe se as blocagens estão bem firmes e as coloque para trás, afim de evitar que algum galho prenda nelas e te leve direto ao chão.

Se você tiver amortecedores, veja se eles estão firmes e com a quantidade adequada de ar, óleo ou água.

Veja se as pastilhas de freio não estão gastas e se são de boa qualidade. Recomendo sem sombra de dúvidas seja seu freio v-brake ou cantillever pastilhas longas shimano.

Veja se o guidon está bem firme, bem apertado para que ele não vire sozinho sem a roda.

A manete do freio não pode estar muito apertada para o cabo do freio não estourar. Regule-a de modo que não fique muito firme e nem muito .frouxa

Verifique os cabos do freio e das marchas, veja se estão em bom estado e não vão te deixar na mão naquele up hill mais puxado.

O passador deve de preferência ser automático e essencialmente deve estar impecavelmente regualdo.

A coroa deve estar deslizando bem (a caixa deve estar bem engraxada), para você não fazer algum esforço desnecessário.

Nos pedais recomendo o uso de pedaleiras para seu pé não deslizar e você levar aquele tombão vergonhoso.

O câmbio dianteiro e traseiro, não tem jeito: tem de ser bons para quando você passar a marcha ele acompanhe sem pular marcha ou sem ficar agarrando marcha.

A catraca é de preferencialmente 7 marchas comn 3 da coroa = 21. Bikes com mais de 7 rodas na catraca são super bem-vindas.

O cilin deve ser confortável para você não ficar com a bunda quadrada de tanto pedalar.

Por último o quadro: tem de ser de alumínio. Imagine-se escalando up-hills que a bike não consegue subir com uma bike de ferro puro. Se a sua for de titânio ou de fibra de carbono, muito melhor.